A DIVERSA CORRETORA DE CEREAIS

Com uma equipe treinada, o objetivo da empresa é acompanhar o dia a dia do mercado e oferecer o melhor suporte possível ao agricultor nas negociações dos produtos do campo.


A empresa tem seu foco ainda, no assessoramento ao produtor rural, visando mantê-lo bem informado quanto ao mercado e suas tendências, subsidiando-o com informações relevantes para negociações atuais e futuras.


Hoje, a DIVERSA CORRETORA se tornou uma empresa sólida e com credibilidade no segmento, por isso, é referência para instituições públicas e privadas que buscam serviços nesse setor.



“DIVERSA CORRETORA AJUDANDO A VALORIZAR O TRABALHO E ESFORÇO DO PRODUTOR RURAL”

Notícias

15/06 CARNES: Estudo avaliará biosseguridade do rebanho bovino do RS - SEAPDR

Porto Alegre, 15 de junho de 2021 - A Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR) está conduzindo um estudo junto com o Ministério da Agricultura em mais de 400 propriedades rurais do Rio Grande do Sul para avaliar a biosseguridade do gado bovino. Os dados levantados pelo estudo servirão de base para realizar a avaliação de procedimentos de manejo e de biosseguridade adotados em propriedades rurais com bovinos no país. Com base nessas informações, será possível estabelecer diretrizes visando mitigar o risco de introdução e disseminação do vírus da febre aftosa nestas propriedades. A coleta de dados, feita pelos técnicos da SEAPDR, se iniciou na semana passada e ocorre até metade de julho, mediante visita agendada às propriedades que foram sorteadas para participar da pesquisa. Um questionário com 50 perguntas é aplicado, e os dados da entrevista, sigilosos, são inseridos no aplicativo Epicollect. A partir dos resultados, um relatório será construído pela Divisão de Defesa Sanitária Animal do ministério em conjunto com a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), e enviado aos órgãos estaduais de sanidade animal participantes do estudo, para discussões internas e divulgação local. A amostragem foi definida de forma estratificada, levando em consideração a proporção de propriedades existentes em relação ao total do Estado. As propriedades foram divididas em sete categorias, indo de produtores micro, que têm de uma a dez cabeças de gado, até propriedades muito grandes, com mais de cinco mil bovinos. "No Rio Grande do Sul, por exemplo, temos 48,66% das propriedades com até dez bovinos. Então, essa mesma porcentagem deve ser aplicada na amostra total do estudo", explica o fiscal estadual agropecuário Marcelo Göcks, da coordenação do Programa Estadual de Febre Aftosa da SEAPDR. Neste primeiro momento, participam do estudo, além do Rio Grande do Sul, os estados de Acre, Paraná, Rondônia e Santa Catarina, todos com status de zona livre de aftosa sem vacinação. "Apesar de focada na febre aftosa, essa avaliação será muito útil para mitigação de riscos na disseminação de qualquer doença infectocontagiosa que possa acometer os bovinos", destaca Göcks. As informações partem da assessoria de imprensa da SEAPDR. Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS Copyright 2021 - Grupo CMA

15/06 CORONAVIRUS: Casos diários na India caem para cerca de 60 mil

Porto Alegre, 15 de junho de 2021 - A India registrou cerca de 60.500 infecções diárias pelo novo coronavírus, o menor número desde o final de março passado, de acordo com dados do Ministério da Saúde. As informações são da agência de notícias "Sputnik". O saldo atualizado inclui 29.570.881 casos confirmados de covid-19, alta de 60.471 em um dia, e 913.378 infecções ativas, queda de 59.780 em 24 horas. As mortes somam 377.031, alta diária de 2.726. No dia anterior, 70.421 novas infecções e 3.921 mortes foram notificadas. Os casos ativos hoje representam 3,09% do total acumulado, mostram os dados. A taxa de mortalidade é de 1,28E. Desde que a India começou a campanha nacional de imunização contra covid-19 em meados de janeiro, mais de 259 milhões de doses foram administradas, incluindo mais de 3,9 milhões nas últimas 24 horas. Com informações da Agência CMA. Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS Copyright 2021 - Grupo CMA

15/06 CORONAVIRUS: Casos globais passam de 176,3 mi, diz Johns Hopkins

Porto Alegre, 15 de junho de 2021 - O número de pessoas infectadas pelo novo coronavírus no mundo passa de 176,3 milhões, segundo dados compilados pela Universidade Johns Hopkins, e agora soma 176.329.887. As mortes globais por covid-19 totalizam 3.813.679. Nos Estados Unidos, país que possui o maior número de contaminações e de mortes no mundo, as infecções somam 33.475.305. O país reportou 12.714 novos casos da doença em 24 horas, acima dos 8.207 registrados um dia antes. As mortes por covid-19 somam 599.960. Depois dos Estados Unidos, a India tem o maior número de infecções provocadas pelo novo coronavírus, com 29.570.881 casos, e 377.031 óbitos. O Brasil, que aparece em terceiro lugar em número de casos de covid-19, tem 17.452.612 infectados. As mortes no país totalizam 488.228. A França tem o maior número de casos da Europa e o quarto maior do mundo, totalizando 5.803.294 infeções, com 110.619 mortes. O Reino Unido, por sua vez, tem 4.589.400 infecções e 128.171 óbitos pela doença, seguido pela Itália, com 4.245.779 casos e 127.038 mortes. O total de pessoas vacinadas contra a covid-19 no mundo passa de 2,39 bilhões, ainda de acordo com a Johns Hopkins, e soma 2.394.156.178. Considerando apenas o número de doses administradas, a China lidera o ranking com 904.134.000, seguida dos Estados Unidos, com 310.213.304, e da India, com 259.044.072. O Brasil aparece em quarto lugar, com 74.453.932 doses. Na Europa, o Reino Unido lidera em doses administradas, com 72.274.162, seguido da Alemanha, com 61.429.675, e da França, com 44.304.266. A Rússia parece em décimo segundo lugar no ranking global, com 32.039.910 doses. O sistema de contagem da Johns Hopkins compila informações da Organização Mundial da Saúde, do Centro de Controle de Doenças norte-americano e do Centro de Controle e Prevenção de Doenças europeu, além de relatos da mídia, de departamentos locais de saúde e comunicados online de médicos e outros profissionais da saúde. Com informações da Agência CMA. Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS Copyright 2021 - Grupo CMA

15/06 EUA: Produção industrial mensal sobe 0,8% em maio

Porto Alegre, 15 de junho de 2021 - A produção industrial dos Estados Unidos subiu 0,8% em maio ante o mês anterior, após subir 0,1% em maio (dado revisado), segundo o Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano). Analistas consultados por agências internacionais previam alta de 0,6% em maio. Na comparação com maio de 2020, a produção total avançou 16,3%. A utilização da capacidade instalada da indústria cresceu para 75,2% em maio, após a taxa de 74,6% em abril, em dado revisado. Na comparação com maio de 2020, a capacidade ficou estável. As informações são da Agência CMA. Revisão: Rodrigo Ramos (rodrigo@safras.com.br) / Agência SAFRAS Copyright 2021 - Grupo CMA

15/06 CARNE BOVINA: Imac defende abertura de novos países para Mato Grosso

Porto Alegre, 15 de junho de 2021 - As exportações de carne bovina de Mato Grosso atingiram o segundo mês consecutivo de queda. Após o bom desempenho de março, houve redução das vendas nos meses de abril e maio de 2021. Em maio/21, o Estado comercializou 25.788 toneladas do produto, uma redução de 17,9% em relação a maio/20 e 12,6% menor que abril/21. No acumulado, de janeiro a maio deste ano, as exportações estaduais totalizaram 140 mil toneladas de carne bovina, redução de 3% em relação ao mesmo período de 2020. Alguns destinos influenciaram bastante na retração observada em maio/21. Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos, Filipinas e Israel diminuíram, em média, suas compras em 40% quando comparadas a maio/20. Já a influência da China se deve ao fato de concentrar um grande volume das compras, que caíram 14% quando contrastadas com maio do ano passado. No entanto, há aspectos de oferta que contribuem para o cenário atual. "O cenário é desafiador. A atratividade para exportar carne bovina em maio/21 foi baixa, 36% inferior aos patamares de maio/20 e 28% menor quando avaliamos os números de janeiro a maio deste ano com o ano anterior", pontuou Bruno de Jesus Andrade, diretor de Operações do Instituto Mato-Grossense da Carne (Imac). "Essa combinação de exportações cambaleantes associadas ao baixo consumo de carne bovina no mercado interno traz preocupações para o setor industrial. Uma das saídas é continuarmos buscando novos compradores para a carne de Mato Grosso mundo afora", completa o diretor. "Temos oferta, qualidade e preço", finaliza. As informações partem da assessoria de imprensa do Imac. Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS Copyright 2021 - Grupo CMA

15/06 CÂMBIO: Dólar oscila em alta digerindo números dos EUA, de olho em BCs

Porto Alegre, 15 de junho de 2021 - O dólar comercial oscila em alta frente ao real, exibindo forte volatilidade desde a abertura dos negócios quando operou sem direção única. Investidores digerem os dados de inflação ao produtor e de vendas no varejo nos Estados Unidos, enquanto a decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), amanhã, segue no radar. Assim como a reunião do Comitê de Política Monetária (Copom). Às 9h59 (de Brasília), a moeda norte-americana oscilava em alta de 0,15% no mercado à vista, cotada a R$ 5,0790 para venda, enquanto contrato futuro com vencimento em julho subia 0,37%, a R$ 5,0880. Lá fora, o Dollar Index operava em alta de 0,16%, aos 90,669 pontos. Após a divulgação do índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês) e das vendas no varejo nos Estados Unidos, em maio, a moeda inverteu o sinal e passou a subir. O primeiro indicador teve alta de 0,8%, ante expectativa de +0,5%, enquanto as vendas caíram 1,3%, com projeção de -0,7%. "A inflação mais alta ao produtor sugere que a economia está mais forte, mas ao mesmo tempo aponta para juros mais altos. A tendência é de juros para baixo na véspera da decisão do Fed", destaca o economista-chefe da Necton Corretora, André Perfeito. O rendimento das taxas futuras dos títulos do governo norte-americano, as treasuries, oscilam com ligeira alta. O vencimento de 10 anos (T-Note) opera ao redor de 1,50%. Enquanto o mercado aguarda as decisões de política monetária nos Estados Unidos e aqui, amanhã, o operador da corretora Commcor, Cleber Alessie, diz que a percepção é de que o real exibe "um importante suporte técnico e psicológico entre R$ 5,02 e R$ 5,03". "O que pode alimentar fortes disputas nessa região, a depender do que ocorrer nos próximos dias, inclusive hoje, com a divulgação de importantes dados nos Estados Unidos. Naturalmente, seja qual for a reação aos dados de hoje, o mercado tende a ter reações de curta duração, tendo em vista a relevância do Fed e, por aqui, do Copom", avalia. Com informações da Agência CMA. Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS Copyright 2021 - Grupo CMA

15/06 CARNES: Abate de bovinos no MT recua 16,51% no 1o trimestre de 2021 - Imea

Porto Alegre, 15 de junho de 2021 - No 1o trimestre de 2021, Mato Grosso abateu cerca de 1,03 milhão de cabeças de bovinos - recuo de 16,51% ante o 1 trimestre de 2020 - enquanto a produção foi de 0,28 milhão de toneladas - queda de 13,23% no mesmo comparativo. As informações partem do Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea). Esse cenário foi impulsionado pela maior retenção das fêmeas, que resultou na queda de 28,05% do volume abatido, enquanto os machos recuaram apenas 5,31% no comparativo anual. Apesar da queda, Mato Grosso representou uma parcela de 15,76% do total de animais abatidos no país e de 25,23% da produção total de carne bovina nacional. Ainda, é importante destacar que o estado não foi o único a apresentar recuo nas estatísticas, uma vez que a nível nacional, a diminuição foi de 9,17% no abate e de 6,52% na produção. Já com relação aos ganhos no rendimento de carcaça, ao fazer a comparação entre o 1o trimestre de 2021 e o 1o trimestre de 2020, em Mato Grosso o resultado foi de 17,70 @/cabeça para 18,39 @/cabeça - alta de 3,93%. As informações partem do Imea. Revisão: Arno Baasch (arno@safras.com.br) / Agência SAFRAS Copyright 2021 - Grupo CMA

15/06 EUA: Indice de preços ao produtor mensal sobe 0,8% em maio

Porto Alegre, 15 de junho de 2021 - O Indice de Preços ao Produtor dos Estados Unidos (PPI, na sigla em inglês) subiu 0,8% em maio na comparação com o mês anterior, após a alta de 0,6% em abril, já descontados os fatores sazonais, informou o Departamento do Trabalho. Analistas previam alta de 0,5% em maio. O núcleo do índice, que exclui os preços de alimentos, energia e comércio, subiu 0,7% em maio em base mensal, após ter alta também de 0,7% em abril. Os preços de alimentos avançaram 2,6% em maio em base mensal, após a alta de 2,1% em abril, enquanto os preços de energia subiram 2,2%, após a queda de 2,4% no mês anterior. Com informações da Agência CMA. Revisão: Rodrigo Ramos / Agência SAFRAS Copyright 2021 - Grupo CMA

RSS COTAÇÕES


Warning: simplexml_load_file(http://sfeed-cot01.cma.com.br/clientes/diversa_corretora/Home/cotacoes.xml) [function.simplexml-load-file]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 404 Not Found in /home/storage/a/db/9d/diversacorretora1/public_html/2016/home.php on line 91

Warning: simplexml_load_file() [function.simplexml-load-file]: I/O warning : failed to load external entity "http://sfeed-cot01.cma.com.br/clientes/diversa_corretora/Home/cotacoes.xml" in /home/storage/a/db/9d/diversacorretora1/public_html/2016/home.php on line 91

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/storage/a/db/9d/diversacorretora1/public_html/2016/home.php on line 92
Cotação/Data
Último
Diferença
MAXIMO
MININO


Warning: simplexml_load_file(http://sfeed-cot01.cma.com.br/clientes/diversa_corretora/Home/cambio.xml) [function.simplexml-load-file]: failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 404 Not Found in /home/storage/a/db/9d/diversacorretora1/public_html/2016/home.php on line 129

Warning: simplexml_load_file() [function.simplexml-load-file]: I/O warning : failed to load external entity "http://sfeed-cot01.cma.com.br/clientes/diversa_corretora/Home/cambio.xml" in /home/storage/a/db/9d/diversacorretora1/public_html/2016/home.php on line 129

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/storage/a/db/9d/diversacorretora1/public_html/2016/home.php on line 130
Moeda
ÚLTIMO
VARIAÇÃO
DATA
HORA
MAXIMO
MINIMO

Fale Conosco

Rua Rio Branco esquina com Av. Cuiabá, Ed. Comercial Montello, Sala 205 Centro, Rondonópolis - MT 78700-170

diversa@diversacorretora.com.br
adm@diversacorretora.com.br

(66) 3439-3300 (66) 3439-3318